sexta-feira, 15 de outubro de 2010

Êxodo


Vento no roseiral
Pétalas fugitivas
Para onde foram todos os perfumes?

7 comentários:

Rafael Castellar das Neves disse...

Boa!!! E o perfume é tudo nesse todo!!

[]s

Ilaine disse...

Êxodo de perfume... Carla, é é lindo o seu poema.
Beijo

2edoissao5 disse...

ficaram perdidos entre tanta fumaça.
beijo!

Daniel Hiver disse...

Vou tentar descobrir o destino desses perfumes fugidios ao cabo de um êxodo.

E outra coisa... Me interessei nos hieróglifos. Quero ter notícias deles.

Carla Diacov disse...

Adorei aqui!
Tudo...
E também adoraria ver tua honrada visita por aquis, ó:
carladiacov.blogspot.com
larcavodica.blogspot.com
odesimundasdoneochiqueiro.blogspot.com
carlacarlacarlac.multiply.com

A.S. disse...

Todos os perfumes se foram nas asas das brisas interditas!


Beijos
AL

Franklin Silva disse...

A evasão dos perfumes, a perda dos aromas. Onde estão, agora? Adorei o poema.
Te convido a visitar meu blog:

http://www.solamentepersonas.blogspot.com/